max-kegfire/iStock
Comportamento Vida Prática

Maioria dos homens e mulheres ainda acredita em estereótipos de gênero

Mulheres são frágeis, homens são durões. Elas querem um príncipe encantado, eles querem se divertir. Estes são apenas dois dos muitos estereótipos que ainda são propagados sobre os gêneros e que, ao que tudo indica, ainda estão longe de ficar para trás: de acordo com um novo estudo, mesmo com todos os esforços na direção da igualdade entre os sexos, algumas crenças – e mitos – comuns sobre suas diferenças permanecem fortes.

+ MAQUIAGEM LILÁS É HIT ENTRE AS FAMOSAS! DESCUBRA COMO APOSTAR

+ FIOS DANIFICADOS? SAIBA COMO FORTALECER E RECUPERAR A BELEZA DOS CABELOS

+ PARA O VERÃO! QUATRO TENDÊNCIAS VERSÁTEIS QUE VÃO DO TRABALHO AO HAPPY HOUR

Realizada pela Pew Research Center, a pesquisa ouviu mais de 4.500 adultos e descobriu que a maioria dos entrevistados ainda acredita que homens e mulheres são fundamentalmente diferentes quando se trata de sentimentos, aptidões físicas e até criação dos filhos, e que a masculinidade ainda é entendida como mais positiva que a feminilidade.

87% dos entrevistados disseram que os sexos expressam sentimentos de maneira diferente. Enquanto dois terços das mulheres acreditam que isso aconteça por conta de expectativas da sociedade, mais da metade dos homens creem que se dá por diferenças biológicas.

A grande maioria das participantes afirmou que os pais deveriam quebrar normas impostas ao gênero ao criar meninos ou meninas, mas as opiniões dos homens mudam dependendo do sexo da criança: 72% pensam que está tudo bem parar com os estereótipos de gênero na criação de suas filhas, contra apenas 56% que pregam o mesmo para os filhos homens.

Advertisement

Enquetes

enquete

Qual tendência você acha mais difícil de usar?

Carregando ... Carregando ...