Foto: Sveta_zarzamora/istock
Dieta e Fitness Vida Prática

Renda-se ao Kombucha: tudo sobre a bebida probiótica que os famosos adoram

Você provavelmente já ouviu falar dos chás verde, preto e mate. E o kombucha (lê-se combutchá), nova febre saudável do momento, é uma fermentação com água e açúcar a partir deles. Essa bebida de origem chinesa esteve, por exemplo, na lista de exigências de quase todas as bandas que tocaram no festival Lollapalooza desse ano. Quer saber o motivo dessa bebida artesanal ter caído no gosto (literalmente) das celebridades e adeptos de uma maior qualidade de vida?

+ Aliados naturais, os chás ajudam a eliminar as toxinas e combater a celulite
+ Para ajudar a emagrecer! Cinco receitas deliciosas com o chá de hibisco
+ Quer ter um cérebro mais saudável por muitos anos? Aposte no chá, diz estudo

O segredo está nos microorganismos probióticos, que agem diretamente na regulação da microbiota intestinal. “Estima-se que haja em torno de 40 tipos deles se alimentando nessa mistura de aspecto gelatinoso, mas tudo depende mesmo das condições para a fermentação, como o tipo de açúcar, o tempo, o local de armazenamento, a temperatura, etc. A bebida final possui um sabor que mistura uma acidez com um toque adocicado, e se você quiser, pode até encontrá-la gaseificada e em diversos sabores, nas lojas de produtos naturais, mas o consumo por adulto saudável não deve passar de 300 ml por dia”, diz a nutricionista Andrea Rahal.

Foto: brickrena/istock
O sabor do Kombucha traz acidez com um toque levemente doce e tem muito benefícios para a saúde e bem estar. Foto: brickrena/istock

Mas afinal, porque ele é chamado de “bebida milagrosa”?

De acordo Rahal, o kombucha “é rico em ácido glucônico, ácido glucurônico, ácido lático, polifenóis antioxidantes, enzimas e microorganismos probióticos. Com essa composição ele ajuda na eliminação de toxinas e metais pesados, melhora o funcionamento do fígado, intestino, pele, imunidade, humor e digestão, previne o câncer, ajuda na absorção dos nutrientes, aumenta a disposição, diminui o colesterol, triglicérides, a vontade de comer doces, alergias e intolerâncias alimentares, controla a glicemia, ajuda no tratamento de esteatose hepática (gordura no fígado), no tratamento de candidíase, e muitas outras vantagens. Enfim, são inúmeros os benefícios desta bebida, que se bem produzida só há de agregar à saúde”. É possível fazer em casa, mas o procedimento tem vários passos e ingredientes incomuns, e por isso requer muita atenção. Na internet, você acha diversos passo a passo, inclusive em vídeos.

Contêm restrições

A maior parte das pessoas podem beber Kombucha sem qualquer problema conhecido, aproveitando todos esses benefícios maravilhosos. Porém, segundo Andrea, alguns grupos de pessoas devem considerar com sabedoria e consultar previamente um médico antes de ingeri-lo. São elas:

Quem está com mal funcionamento do fígado  é através dele que o chá vai eliminar (com potência) as toxinas do corpo. “Se ele não está funcionando corretamente, beba com cautela e também uma maior quantidade de água por dia”, recomenda a profissional.

Foto: Szepy/istock
Crianças com menos de 6 anos só podem tomar até 50 ml e diluído em água. Foto: Szepy/istock

Crianças menores de 6 anos – elas possuem um organismo novo, crescendo, “e podem não suportar a mesma concentração de suplementos e de gêneros alimentícios que um adulto. Cuidado com a dosagem, para evitar distúrbios intestinais. Até um ano de idade recomenda-se diluir o chá em água antes de dar, e utilizar menos de 50 ml por dia”, alerta a especialista.

Diabéticos  a maioria do açúcar é convertido em outros componentes durante o processo de fermentação, “no entanto, alguns cristais ainda podem estar presentes no chá pronto. Eu tive testemunhos pessoais de diabéticos que tiveram resultados maravilhosos ao beber Kombucha, mas é bom ter cuidado e ficar atenta”, diz Andrea.

Por fim, a nutricionista afirma: “é importante salientar que nenhum alimento isolado tem o poder de engordar ou emagrecer, portanto o Kombucha não faz isso sozinho, ou seja, equilíbrio e qualidade na alimentação fazem toda a diferença, e ele é um aliado neste processo de melhora do organismo de uma forma geral!”.

Enquetes

enquete

Que delícia junina te faz esquecer a dieta?

Carregando ... Carregando ...