Foto: monkeybusinessimages/istock
Dieta e Fitness

Lobo em pele de cordeiro: as frutas que podem atrapalhar sua boa forma

Tem gente que acha que, porque é fruta, está liberado, afinal, é natural, é orgânico, etc. Não há como negar que elas são opções bem mais saudáveis do que muitas guloseimas por aí, entretanto, também possuem calorias e açúcares que, se consumidos em excesso, podem atrapalhar seu projeto de entrar em forma, sim. Conheça algumas opções para você se deliciar com cuidado.

+ Cinco opções de frutas para comer à noite sem comprometer sua silhueta
+ Seis receitas de doces saudáveis para os bebês preparados com frutas
+ Quando as frutas não são aliadas: seis tipos que podem causar inchaço e desconforto

Foto: diogoppr/istock
Foto: diogoppr/istock

Açaí

Ele é a estrela do verão e da galera fitness, e mesmo sendo conhecido não só por seu delicioso sabor, mas também por ser uma ótima fonte de energia (tem que comer e se exercitar para gastar), não dá exagerar. “Consumido geralmente em forma de polpa, pode ser acompanhado por outras frutas como a banana, mas é preciso ter cuidado com as versões prontas que vêm cheias de açúcar e com granola. Contém, pela sua cor escura, o fitonutriente antocianina, importante para a circulação e para a proteção do coração. Em 100 gramas tem 250 kcal (por isso o cuidado!), além de 4 gramas de proteínas, 35 gramas de carboidratos e  10,5 gramas de gorduras”, explica a nutricionista Madalena Vallinoti, da Clínica Nutricional Personal Diet.

Foto: monkeybusinessimages/istock
Foto: monkeybusinessimages/istock

Uva

Essas pequenas delícias caem bem em um lanchinho, mas não dá para abusar se você quer moldar a silhueta. Segundo Madalena, “100 g possui em média 70 kcal, 17 g de carboidratos (um alto valor) e 1 g de fibras. É preciso ficar de olho ainda nas versões naturalmente mais adocicadas, pois açúcar de fruta também engorda. Existem muitas variedades, entretanto, as escuras contêm um maior conteúdo de fitonutriente antocianina e resveratrol, substâncias cardioprotetoras, com excelente ação antioxidante, anticancerígena, que ainda auxiliam no controle do colesterol e na formação de coágulos, e também diminuindo o risco de AVC, trombose, etc. Quer mais? A uva é composta ainda por luteína e a zeaxantina, importantes para a saúde da visão”.

Foto: bergamont/istock
Foto: bergamont/istock

Manga

De acordo com Vallinoti, as mangas consumidas em maior quantidade são as mais doces, como Palmer, Rosa, Tommy, “e na época da safra, como agora, chegam a pesar em média 400 g, sendo que em 100 g há 50 kcal, 13 gramas de carboidratos e 2 gramas de fibras. Somando, 200 kcal em uma única manga, então não se engane! Ela ainda e uma fruta rica em betacaroteno que lhe confere a cor amarela, e pectina, que auxilia na diminuição dos níveis de glicose e confere alto poder de saciedade”.

Foto: KateSmirnova/istock
Foto: KateSmirnova/istock

Frutas secas

Elas sempre são tendência nas receitas das festas de final de ano, “mas por apresentarem um baixo índice glicêmico, são excelentes opções para os lanchinhos da tarde, ou até como pré-treino. Como são mais consumidas nesta época, acabamos por nos permitir um pouco mais, agora, cuidado: nas frutas secas temos uma maior concentração de calorias pois estão desidratadas e então, são mais doces! Em média, 1 unidade de fruta como uva passa, ameixa, damasco, figo e tâmara secos contem entre 17 kcal  e 21 kcal e possui entre 4  e 6 g  de carboidratos. São ricas em fibras solúveis e potássio, excelente mineral, que auxilia na diminuição da retenção de líquidos e possuem alto conteúdo de compostos bioativos fenólicos, que apresentam, de forma geral, ação antioxidante e cardioprotetora”, revela a nutricionista.

Advertisement

Enquetes

enquete

Qual assunto você mais gosta de ver na newsletter do DaquiDali?

Carregando ... Carregando ...