Dicas da hora de se vestir à despedida para ir bem na entrevista de emprego
Carreira & Finanças

Dicas da hora de se vestir à despedida para ir bem na entrevista de emprego

A entrevista de emprego é motivo de estresse para muita gente, e a falta de confiança ou errinhos básicos antes e durante o processo de seleção podem colocar tudo a perder. Para você garantir um bom resultado e conquistar aquela vaga tão aguardada, saiba o que fazer da hora de se vestir à despedida.

+ Sete profissões que prometem ser tendência em 2015

+ Você vai se dar bem nas dinâmicas de grupo. Saiba como

+ Domine a linguagem corporal e se destaque na vida profissional

A roupa ideal

Encontrar a roupa certa para o momento pode ser um desafio, afinal, dizem que a primeira impressão é a que fica. “Os primeiros três minutos de uma entrevista são essenciais, então você precisa cuidar da imagem. Nunca use jeans rasgados, roupas curtas, como minissaias e miniblusas, esmaltes descascando ou muito escuros, saltos muitos altos, acessórios muito grandes e que façam barulho e cabelo desarrumado. O que eu aconselho é sempre ver qual o estilo da empresa, pesquisar esse estilo e se vestir de acordo. Use camisas sociais de cor clara, calças escuras, sapatos preferencialmente fechados, ou sandálias mais discretas, porque o visual não pode chamar muita atenção e tirar a atenção do entrevistador”, indica a coach Bibianna Teodori.

Pesquise a empresa

Para ir bem, outro ponto fundamental é conhecer a empresa, o que pode ser feito analisando o site e procurando informações na internet: “É fundamental para entender melhor os valores da empresa, e ver se a vaga oferecida combina com o seu perfil. É essencial conhecer a área de atuação, produtos e principais unidades. Isso demonstra interesse, além de você ficar mais segura e ajudar na conversa e no alinhamento dos valores”.

O que levar

Afinal, o currículo é o único papel a ser levado? “Os papeis devem estar sempre em ordem, leve os documentos que podem ser solicitados e úteis, como cópia extra do currículo, carta de recomendação, bloco de notas e caneta, para você não esquecer de algo que foi dito e porque isso mostra interesse, ou um portfolio”, revela.

A chegada


Procure chegar com pelo menos 10 minutos de antecedência. Foto: Digital Vision/Photodisc

Nada de chegar exatamente no horário da entrevista, afinal, você nunca sabe quando o compromisso será adiantado ou quando acontecerá algum imprevisto no caminho. “É importante você chegar com pelo menos 10 minutos de antecedência, porque mostra comprometimento. Não esqueça de desligar o celular antes de entrar na sala de entrevista”, explica.

O cumprimento

A maneira como você cumprimenta o seu entrevistador também pode ser crucial para causar uma boa impressão, portanto, invista na segurança e simpatia:  “Levante-se e aperte a mão do jeito certo, porque no aperto você já percebe se a pessoa é segura ou não. Sorria, estenda a mão e apresente-se. O aperto deve ser firme, sem medo”.

A conversa

Uma boa comunicação é imprescindível para conquistar a vaga, e não é apenas a fala que é avaliada nessa conversa: “A comunicação não é apenas verbal, porque comunicamos pela linguagem corporal, então sente-se confortavelmente, mas evite encostar demasiadamente na cadeira, que é muito informal, não brinque com objetos e fique mexendo em canetas e mantenha um contato visual sempre, porque mostra segurança e você fica mais focada. Procure acompanhar o tom de voz do entrevistador e entre em uma empatia com ele”.

O que não dizer

Tão importante quanto o que falar é saber o que não deve ser dito durante a entrevista, então fique atenta: “Não pergunte de férias e fale sobre viagens marcadas num primeiro momento, porque o entrevistador quer ver se o perfil está alinhado com o daquele cargo, e isso pode mostrar que não. Não pergunte também sobre a rotina do trabalho e promoções, adiantamento e o que é de resolução da área de Recursos Humanos”.

Ser direta é outro cuidado, e qualquer mentira ou resposta “enrolada” podem acabar com suas chances de conseguir a vaga. “Seja sincero e não invente nada, e só revele coisas pessoais que vão ajudar a formar uma boa imagem de você. Responda as perguntas de maneira clara e direta, é importante você conhecer seus pontos fracos e fortes com sinceridade”, garante.

A despedida


Seja simpática ao se despedir e pergunte qual o próximo passo. Foto: Wavebreakmedia

Quer fechar a entrevista com chave de ouro? Esbanje simpatia e não tenha medo de perguntar sobre o futuro: “Ao se despedir mostre cordialidade e é importante se certificar do passo a seguir, se ele que vai te ligar ou se você deve entrar em contato, ou se haverá uma segunda fase da entrevista. Muita gente não pergunta e fica estressado com isso depois. É importante questionar com educação e agradecer o entrevistador por te receber, apertando a mão e mantendo o contato visual”.

Advertisement

Enquetes

enquete

Qual tendência você acha mais difícil de usar?

Carregando ... Carregando ...