Foto: wmaster890/istock
Dieta e Fitness Mulher

Por que a pitaia é a fruta do momento para emagrecer? Descubra

Ela já chamava a atenção por ser exótica, ter um sabor adocicado e cores supervibrantes, mas depois que descobriram seu lado nutritivo e os diversos benefícios, a pitaia conquistou o paladar e o cardápio de muita gente – principalmente de quem deseja emagrecer! Entenda o porquê.

+ Lobo em pele de cordeiro: as frutas que podem atrapalhar sua boa forma
+ Cinco opções de frutas para comer à noite sem comprometer sua silhueta
+ Quando as frutas não são aliadas: seis tipos que podem causar inchaço e desconforto

Foto: DeanDrobot/istock
Pouco calórica, aumenta a saciedade e melhora o trânsito intestinal. Um super combo para reduzir medidas! Foto: DeanDrobot/istock

Uma série de benefícios

De acordo com a Larissa Couto, especialista em nutrição clínica pelo Hospital Albert Einstein e nutricionista da Clínica NutreeCare, a pitaia virou a queridinha dos que querem perder uns quilinhos, pois é uma aliada nesse processo! Como? “A fruta tem poucas calorias (em 100 g há apenas 50 kcal), possui baixo índice glicêmico e é rica em fibras, fatores que aumentam a sensação de saciedade, e consequentemente, te fazem comer menos”.

Os benefícios não param por aí! Larissa complementa dizendo que “ela também é ótima para reforçar o sistema imunológico, pois é rica em vitamina C e é uma excelente fonte de antioxidantes, que ajuda a combater os radicais livres, aqueles que agem no envelhecimento das células. Além disso, é fonte de ferro, zinco e cálcio e com muitas fibras solúveis, o que ajuda a regular o intestino e reduzir o colesterol ruim”. Aí sim, não é?

Foto: bdspn/istock
Ao escolher o fruto ideal, pegue os com com as cores bem vibrantes e a casca sem lesões. Foto: bdspn/istock

Alimento que cai bem

Na hora da compra, “escolha a pitaia com coloração acentuada e casca sem lesões. Armazenando-a fechada, ela dura duas semanas. Depois de aberta, consuma em, no máximo, dois dias”, recomenda a nutricionista. Ela ainda conta que “a pitaia fica ótima em preparações com iogurte, na elaboração de geleias, e na salada de frutas. Na forma congelada, vira um saboroso picolé natural. Uma unidade ao dia já é o suficiente para obter alguns benefícios, por isso, não exagere na quantidade! E ela não deve ser ingerida por gestantes e pessoas com diabetes sem acompanhamento médico e nutricional, ou em casos de hipoglicemia recorrentes”.

A profissional faz questão de ressaltar que milagres não existem! “É preciso fazer um processo de reeducação alimentar individualizado e atividade física. Para quem já está nesse ritmo, ela se torna uma ótima aliada. Consulte seu nutricionista”.

Foto: utah778/istock
Nutritivo, lindo e delicioso, o suco de pitaia é facílimo de fazer em casa. Foto: utah778/istock

Que tal experimentar um delicioso suco de pitaia tão exótico quanto ela? Aqui vai uma receitinha da nutri, bem simples. Anote!

Ingredientes
1 pitaia
5 folhas de hortelã
½ limão espremido
1 pedaço pequeno de gengibre
1 talo de salsão
250ml de água de coco

Modo de preparo
Bata todos os ingredientes no liquidificador até misturar bem. Beba em seguida. Aproveite!