Eliana News

#ElianaPorTodasElas, campanha pelo fim da cultura de estupro, é destaque no Estadão

A iniciativa de Eliana, que desde o primeiro domingo de junho se engajou na campanha #ElianaPorTodasElas, contra a cultura do estupro, o machismo e os abusos sexuais, já deu resultados concretos: a hashtag se espalhou rapidamente pela internet e, como o último programa revelou, uma garotinha de apenas sete anos decidiu contar que foi violentada pelo pai depois de assistir ao vídeo da campanha.

A importância desse trabalho acaba de ser reconhecida no jornal “O Estado de S. Paulo”. “Única mulher a comandar auditório de domingo na TV aberta, Eliana não foge à luta”, diz um trecho do texto escrito na coluna de Cristina Padiglione (leia ao ao lado).

A nota lembra ainda que, no último domingo, a comunicadora dividiu o palco com a advogada e fundadora da “Rede Feminista de Justiça” MARINA GANZAROLLI, a promotora de Justiça GABRIELA MANSSUR e a jornalista JOYCE RIBEIRO, para debater ainda mais o assunto e tirar dúvidas do público. “Essa é UMA LUTA DE TODOS nós, homens e mulheres. É hora de uma grande mudança de consciência. Cada um de nós deve fazer a sua parte, informando a quem está por perto, família, amigos, e educando nossos filhos para que se tornem indivíduos melhores, GERANDO UMA SOCIEDADE MELHOR”, disse Eliana ao abrir o programa (leia a matéria completa aqui).

Assista ao vídeo:

Enquetes

enquete

Que esmalte é o seu queridinho da estação?

Carregando ... Carregando ...

Publicidade