Você e seu bebê são livres para encontrar a melhor posição para a amamentação

18 de junho de 2016 - por Dra. Vânia Gato
Foto: Thinkstock

Cada mulher tem um tamanho de mama, de aréola e formato de mamilo. Além disso, cada bebê também é diferente no peso e na anatomia da face. Isso não impede nenhuma mulher de amamentar e nenhum bebê de ser amamentado, mas, como cada binômio mãe-bebê é único, é importante saber que existem muitas posições para amamentar.

Uma dica valiosa é tentar experimentar todas essas posições com o seu bebê, pois nem sempre a mais tradicional é a mais confortável para ambos naquele momento. Converse na maternidade e com o seu pediatra/consultor de aleitamento sobre o aprendizado de outras posições. Faça um teste, varie, experimente!

Primeiro esteja em posição confortável (que nem sempre é na poltrona de amamentação) e depois posicione seu bebê corretamente para iniciar a mamada. Lembre que a amamentação é mais do que nutrição: é um momento de fortalecimento de vínculo, carinho, troca de olhares, aconchego… Tudo isso deve ser prazeroso e a posição não deve ser um problema.

 Você e seu bebê são livres para encontrarem o melhor encaixe para cada fase do crescimento. Mãos à obra!