Daqui Dali

Um pouco do mundo, um mundo de coisas. Da vida, da sua e da minha. DAQUI E DALI.

Posts com a Tag ‘diversidade’

Conheça as gêmeas diferentes superfofas que fazem sucesso na internet

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

 

O mundo é repleto de pessoas de todos os jeitos, formas e cores! E é a diversidade que torna a vida nesse planeta tão rica e especial, por isso deve ser valorizada e respeitada sempre.

 

 

Que o diga Clementina Shipley, que teve três lindas filhas, todas diferentes umas das outras. Clementina ficou famosa na internet depois que suas gêmeas Isabella e Gabriela, hoje com sete meses, nasceram. Elas são gêmeas não idênticas, mas têm um detalhe especial: seu tom de pele é diferente e único!

 

 

As pequenas são muito lindas e fofas, cada uma à sua maneira, mas a mãe conta que elas já foram alvo de preconceito por conta de sua cor. Diante disso, Clementina fala que o amor que recebe é muito maior, e fica feliz com a oportunidade de mostrar como os genes negros são incríveis e capazes de gerar bebês tão diferentes.

 

Sweet baby sisters. Happy 7 months my loves. #twinsofinstagram #twins #blacktwins #twinsisters #browneyes #greyeyes #babylove #babyrolls #sunshine

Uma publicação compartilhada por T H R E E S I S T E R S (@littlestronggirls) em

 

Em seu perfil no Instagram, Clementina publica várias fotos das suas meninas e mostra como cada ser humano nesse planeta é único, especial e merece todo o nosso respeito!

 

Garotinhas de quatro anos que acreditam ser gêmeas encantam a internet

domingo, 12 de novembro de 2017

 

Você já teve uma melhor amiga tão querida, mas tão querida, que parecia mais uma irmã? Esse é justamente o caso das garotinhas americanas Zuri Copeland e Jia Sarnicola, de quatro anos. O laço entre elas é tão profundo que elas juram para todo mundo que são gêmeas!

 

23376217_1730184900337234_8633927018263870289_n

 

Zuri e Jia fazem aniversário quase no mesmo dia, então nesse ano fizeram uma festa de aniversário juntas, cheia de diversão. As garotinhas também falam que têm a “mesma alma”, e se dão tão bem que tem um mural especial para a sua amizade na escola.
Como são bem diferentes, às vezes as pessoas dizem a elas que não podem ser gêmeas, o que as enche de tristeza. Afinal, o mais bonito é que as meninas enxergam somente o amor que sentem uma pela outra, não a diferença entre elas.

 

23380176_1730184907003900_8353552359561661432_n

 

Zuri e Jia têm muito a ensinar os adultos sobre diversidade e combate ao preconceito, porque elas não enxergam a cor de sua pele, elas veem quem realmente são. Lindo, não?

 

(Crédito das fotos: Reprodução/ Facebook Love What Matters)

 

 

Campanha tem fotos lindas para mostrar as paixões de crianças com deficiências

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

 

Cada criança é única e merece ser tratada com todo respeito e com as melhores condições de vida. No caso de crianças com condições e doenças mais raras, isso é ainda mais importante. E essa é a preocupação dessa campanha linda que o blog traz hoje.

 

 

6-dejan-700x500mm-copy-59de3e73ec912__880

 
Chamada de “Awakening”, que significa despertar em inglês, a campanha traz fotos de crianças com síndrome de Down, autismo e outras condições fazendo o que elas mais gostam: pintando, lutando boxe, interagindo com os amigos, fazendo palhaçada ou tocando um violão. Além de serem superbonitas, as fotos trazem uns desenhos divertidos, que nos contam o que cada um dos personagens mais ama fazer.

 

 

1-beti-i-kostadinka-700x500mm-copy-59de3e5eccbba__880

 

O mais bonito é que as crianças que aparecem nas imagens são filhos das pessoas envolvidas no projeto. Uma das mães, chamada Irena Mila, contou ao site Bored Panda: “Cada criança é invencível e não tem limites. Todas as crianças têm seus próprios sonhos e desejos e a forma como buscam realizá-los é que definem essas crianças como pessoas. Como pais, temos que dar todo o espaço de que elas precisam para mostrar que elas podem ser o que quiserem”.

 

 

13-verce-700x500mm-59de3ea113ac9__880

 

A campanha já tem um ano de existência, e tem o objetivo de quebrar barreiras e mostrar que pessoas com deficiência podem fazer o que quiserem. Muito inspirador, não é?

 

 

12-trajce-i-dejan-700x500mm-copy-59de3e96eb3bc__880

 

Supermercado esvazia prateleiras para se posicionar contra o racismo e a xenofobia

sábado, 26 de agosto de 2017

 

O que sobraria nas prateleiras dos supermercados se eles vendessem apenas produtos nacionais? Uma rede alemã resolveu fazer o teste e surpreender seus clientes por um motivo muito especial: se posicionar contra o racismo e a xenofobia, dois problemas que vêm crescendo em todo o mundo.

 

No vídeo, que se tornou um enorme sucesso na internet, a empresa explica que removeu todos os itens para mostrar aos seus clientes como é viver em um mundo sem diversidade. No lugar, foram colocadas placas que convidavam a refletir sobre a importância dos estrangeiros e da troca entre diferentes culturas.

 

Vale lembrar que a imigração é um assunto que divide opiniões em toda a Europa, principalmente após a chegada de milhares de refugiados sírios ao continente. O mesmo acontece nos Estados Unidos, que dificulta cada vez mais a permanência de quem é de fora em sua sociedade. Mas não é preciso ir tão longe: quantas vezes você não ouviu algum discurso desfavorável a outras etnias em nosso próprio país?

 

Para refletir, não é? Discussões assim são fundamentais para um mundo justo e mais humano, além de nos ajudarem a olhar para o outro com mais empatia. Assista o vídeo abaixo:

 

 

 

 

 

Vídeo emocionante mostra como as crianças enxergam as diferenças entre elas

sábado, 24 de junho de 2017

 

Quando a gente convive com crianças pequenas sempre se vê diante de um jeito diferente e renovado de enxergar a vida! E é impressionante o quanto esses pequenos nos ensinam, principalmente quando o assunto é amor, amizade e igualdade. Um vídeo lançado pelo canal infantil da BBC, CBeebies, mostra justamente isso.

 

Screen Shot 2017-06-24 at 10.34.45

 

No vídeo superfofo, duplas de amiguinhos são entrevistados. Eles precisam responder o que os torna diferentes uns dos outros. Entre os pequenos, há crianças brancas e negras, uma criança com síndrome de Down, uma cadeirante, crianças de etnias diferentes, gêneros e características físicas distintas.

 

Screen Shot 2017-06-24 at 10.34.11

 

O mais emocionante é que os pequenos entrevistados têm dificuldades para pensar nas diferenças entre eles, e acabam respondendo sobre gostos pessoais. Uma das duplas, formada por um garotinho e uma garotinha, responde que o menino não gostava de alface, mas agora gosta, enquanto a garota ainda detesta alface. Outros pequeninos citam como diferenças os lugares onde moram na rua, suas habilidades para dança e esportes, se vivem em uma casa com ou sem esquilos e até o tamanho de seus dedos do pé.

 

Screen Shot 2017-06-24 at 10.33.52

 

Seus depoimentos nem consideram aqueles aspectos que, entre muitos adultos, são alvo de preconceito e intolerância. As crianças parecem enxergar quem o amiguinho realmente é, independentemente de sua origem, gênero, raça ou etnia. É de uma pureza muito grande. Que a gente siga aprendendo com esses pequenos para construir um mundo mais justo e igualitário!

 

Assista a seguir: