Daqui Dali

Um pouco do mundo, um mundo de coisas. Da vida, da sua e da minha. DAQUI E DALI.

Posts com a Tag ‘Amor de Mãe’

Fotógrafa captura o exato momento em que homem descobre que vai ser pai

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

 

Você já quis guardar para sempre o momento em que deu uma notícia feliz para alguém e viu sua expressão se iluminando? Pois foi exatamente o que a norte-americana Chelsie Morales fez ao descobrir que estava grávida.

 

 

Poucos dias depois de receber a confirmação, ela arquitetou e colocou em prática um plano com a fotógrafa Kara Quinn, sua amiga de colégio: disse ao marido, Will, que por conta de uma promoção, os dois seriam os protagonistas de uma sessão de fotos.

 

“Eu pedi a eles que colocassem em um quadro negro três qualidades que admiravam um no outro. Will adorou a ideia”, contou a fotógrafa em sua página no Facebook. Ele, que escreveu que a mulher é “bonita”, “espirituosa” e inteligente”, nem podia imaginar a mensagem que veria na lousa de Chelsie: “você vai ser papai!”.

 

A reação dele, como é possível ver nas doces imagens abaixo, vai do choque à pura alegria. “Will passou o restante da sessão com um grande sorriso no rosto e repetindo ‘simplesmente não posso acreditar’”, revelou a futura-mamãe ao “Huffington Post”. “Se você perguntar para alguém que o conhece, vai saber que ele é simplesmente incrível com crianças. Então eu sabia que ele ficaria mais do que emocionado ao descobrir que estamos começando nossa própria família”.

 

 

 

E, se para o casal, esse foi um momento único, para Kara, a fotógrafa, também foi mais do que especial.  “Eu pude testemunhar a vida inteira de alguém mudando bem na minha frente“, disse ela. Uma linda surpresa e uma encantadora recordação, não é?

 

Mãe não segura as lágrimas ao ver a cor dos olhos dos filhos pela primeira vez

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

 

Não importa quão forte, destemida e guerreira seja uma mãe: seu filho sempre tem a capacidade de emocioná-la, não é? Um recente exemplo disso é o vídeo protagonizado por Erika Boozer, uma americana de 35 anos que, passou os últimos 8 anos sem poder enxergar cores.

 

Ela, que perdeu essa capacidade por conta da degeneração macular, ganhou – depois que a irmã entrou em um concurso – óculos especiais para voltar a ver o mundo em todos seus vibrantes tons. E esse momento único foi registrado em vídeo.

 

Na gravação, antes de colocar o acessório, Erika admite estar nervosa e animada com as possibilidades. Assim que posiciona o dispositivo, ela não consegue esconder a alegria. “Meu Deus, isso é incrível”, fala, ainda firme.

 

Seu filho, Micah, passa a perguntar de que cor são os balões que os rodeiam. A mãe responde corretamente e mostra muita animação. “Os meus olhos são de que cor?”, questiona o menino. Ela diz que são castanhos e o abraça. Já, nesse clima de emoção, a caçula, Carmen, também entra na brincadeira e indaga sobre a cor de seus olhos. “Oh, meu Deus, eles são de um lindo azul”, responde Erika, que não consegue mais segurar as lágrimas, mostrando que nenhuma cor no mundo é mais importante do que aquelas que rodeiam suas crianças. Lindo!

 

Assista abaixo (em inglês):

 

 

União e sustentabilidade: mãe usa as camisas do marido para criar lindos vestidos para as filhas

sábado, 5 de agosto de 2017

 

Ontem o blog te mostrou como uma mãe utilizou de alimentos saudáveis e muita imaginação para melhorar as refeições de sua filha de 2 anos e criar ainda mais laços com ela. Hoje, o clima de inventividade maternal continua com a história de Stephanie Miller, uma ex-professora de artes que canalizou seu talento e criatividade para produzir algo incrível e, de quebra, passar uma importante lição aos filhos.

 

 

Mãe de quatro crianças, dois meninos e duas meninas, ela se sentiu distante de sua veia artística depois da maternidade, mas viu um mundo de possibilidades surgir quando ganhou uma máquina de costura.

 

 

Stephanie conta que passou a produzir, com a ajuda de tutoriais da internet, bichos de pelúcia. Isso lhe deu uma nova confiança e, quando viu as camisas que seu marido pretendia jogar fora, teve uma grande ideia: “fiquei frustrada ao perceber que ele iria se livrar de peças tão novas, mas que tinham encolhido. Então as mantive na esperança de fazer algo com elas”, disse em entrevista recente.

 

http://instagram.com/p/BU-F631hGgE/

 

Depois de muito pensar, decidiu tentar fazer um vestido para as suas filhas, que adoraram o resultado. “Agora, quando estou lavando roupas, elas ficam de olho nas camisas do pai e apontam aquelas que gostariam de ver transformadas”.

 

http://instagram.com/p/BSKbYb9BGDR/

 

Aos poucos a brincadeira fashion cresceu e Stephanie começou a produzir modelos cada vez mais adoráveis. Isso, claro, aumentou a união da família e rendeu uma importantíssima lição de criatividade e sustentabilidade. “Eu quero melhorar o mundo que me rodeia através da minha arte e espero inspirar os outros a fazer o mesmo”.

 

Lindo! Mãe transforma refeições em obras divertidas e aumenta a conexão com a filha

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

 

 

Que tal aproveitar o fim de semana para curtir muito a família e, de quebra, incentivar os pequenos a comerem aqueles alimentos para os quais eles torcem o nariz? Pois é, quem tem criança em casa sabe que nem sempre elas aceitam essa ou aquela comida saudável – principalmente por implicarem com sua aparência.

 

http://instagram.com/p/BWgSgKZFa4I/

 

Foi o que aconteceu na casa de Kim Anh Chang, uma mãe californiana que já não sabia mais o que fazer para garantir que sua filha Sam, de 2 anos, comesse. Ela, então, se rendeu a uma prática cada vez mais difundida nas redes sociais e passou a transformar cada prato em uma fofa e deliciosa obra de arte.

 

http://instagram.com/p/BU-pIYnFPkc/

 

Sua grande sacada, no entanto, é usar exatamente os mesmos ingredientes das refeições do restante da família no cardápio da pequena. “Meu objetivo é criar pratos artísticos que ajudem a minha comedora seletiva a compartilhar as mesmas refeições que os demais na casa. Eu quero que ela cresça acostumada a comer o que todo mundo está comendo”, explicou ao “Huffington Post”.

 

 

As criações de Kim vão de barcos e árvores a personagens de contos de fadas e desenhos animados. E, desde o início dessa experiência, em abril, a mãe garante que Sam passou a comer mais e melhor. Além disso, as duas estão ainda mais conectadas já que a garotinha, agora com quase 3 anos, quer ajudar na produção dos pratos. “Isso dá para ela um senso de realização. E eu noto que ela quer comer cada vez mais e fica ansiosa pelo tempo que passamos juntas na cozinha”.

 

http://instagram.com/p/BTxh7qXlSNb/

Uma maneira inspiradora de unir a alimentação saudável com um tempo de qualidade e cheio de criatividade com os filhos, não é? Claro que não é necessário ter tamanha inclinação artística para deixar a comida mais divertida. Se você quiser algumas dicas, no entanto, Kim mostra suas criações no Instagram @plateartforkids e dá alguns tutoriais (em inglês) no YouTube.

 

Série fotográfica revela comentários negativos que mães ouvem ao amamentar seus filhos

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

 

A primeira semana de agosto tem um lindo papel: alertar para a importância do Aleitamento Materno, que não só é fundamental para a saúde e o desenvolvimento do bebê, como também aumenta os vínculos entre o pequeno e sua mãe (o DaquiDali te conta mais sobre os benefícios desse ato de amor aqui).

 

 

Apesar de toda a importância desse gesto, há quem ainda não se sinta confortável em amamentar – muito por conta da pressão e da recriminação externas. Foi por isso que a fotógrafa norte-americana Nicki Kaylor decidiu criar uma série de imagens que contrapõe a doce e natural imagem de mulheres amamentando seus filhos com as palavras ásperas que elas ouviram de estranhos (ou até de amigos e familiares) por conta disso.

 

“O julgamento e os olhares de estranheza contra a amamentação precisam terminar. Nutrir sua criança a partir do seu próprio corpo é algo tão especial. Não é tão fácil quanto todos pensam, é necessário ter muita determinação”, escreve ela em sua página do Facebook.

 

Ainda na rede social, a profissional conta que pediu a cada uma das nove mulheres que fotografou que elas contassem algo negativo que ouviram enquanto alimentavam seus bebês. “Esses comentários não são ‘ok’. Se você vê uma mãe amamentando seu filho em público, não se aproxime dela com palavras grosseiras. Sorria e continue no seu caminho ou conte-lhe o quão incrível ela é!”, pede Nicki.

 

Veja algumas das imagens abaixo:

 

“Você não pode fazer isso no banheiro?”

 

“É mais fácil dar a mamadeira pra ele”

 

“Você deveria usar um cobertor”

 

“Você AINDA amamenta?”

 

Mães que amamentam devem ser aplaudidas, não julgadas ou olhadas fixamente. Amamentar é puro. Amamentar é bonito. Amamentar é natural”, frisa a fotógrafa. Importante demais essa mensagem, não é? O bebê não vai escolher o momento mais confortável ou discreto para sentir fome, e sua nutrição e bem-estar devem vir acima de tudo, seja em público ou não. Devemos apoiar e incentivar o aleitamento materno sempre!