Daqui Dali

Um pouco do mundo, um mundo de coisas. Da vida, da sua e da minha. DAQUI E DALI.

24 jun 17 13:56
Eliana

Sejam bem-vindos!

Tudo o que interessa ou ainda vai interessar.
Novidades, notícias, gostos, grandes assuntos, pequenos detalhes.
Um pouco do mundo, um mundo de coisas. Da vida, da sua e da minha. DAQUI E DALI.

bjobjo,

Eliana

19 jun 17 11:54 Superação: mãe faz loucuras para buscar uma cura para doença rara do filho

 

Quantas coisas somos capazes de fazer por um filho? Aqui mesmo no blog já contei várias histórias de mães que fizeram as maiores loucuras e superaram seus limites para ver seus pequenos felizes e saudáveis, mas o caso da espanhola Eva Giménez e de seu filho Nacho, de 7 anos, é muito emocionante.

 

Nacho tem a Doença de Dent, que faz com que ele perca grandes quantidades de cálcio, potássio e fósforo. Por conta disso, ele precisa ser acompanhado por oito médicos diferentes e tomar sete remédios a cada oito horas. Também não pode correr nem jogar bola, o que não é fácil para o garotinho. Mas sua mãe faz o possível e o impossível para apoiá-lo.

 

Quando descobriu que Nacho tinha a doença, ela decidiu mudar sua vida: fundou uma associação para financiar pesquisas que ajudassem a entender melhor essa síndrome rara. Assim, surgiu a Asdent, associação que hoje tem 700 membros e se tornou referência no assunto.

 

eva-e-nacho

 

No meio desse caminho, Eva se mostrou uma verdadeira super-heroína, incansável na sua luta para ver seu pequenino bem. Dá para dizer que ela até cometeu algumas loucuras! Em 2014, por exemplo, participou de uma corrida de bicicleta no deserto do Saara e completou 600 quilômetros em seis dias, pedalando mais de 10 horas por dia! O esforço foi intenso, mas valeu a pena: ela arrecadou 40 mil euros e, com esse dinheiro, pôde investir em investigações fundamentais.

 

Eva ficou famosa por seu trabalho e até inspirou um documentário. Em entrevistas, ela fala que, por seus filhos, vai a qualquer lugar e é capaz de dedicar a vida para vê-los bem. É o amor de mãe, capaz de mover montanhas, não é mesmo?

 

18 jun 17 14:06 Campanha chama atenção para o drama dos pais que têm filhos em hospitais

 

Quando você era criança, alguma vez teve a impressão de que seu pai era um super-herói? É bem comum que os pequenos relacionem o pai com a imagem de alguém forte, capaz de dar proteção e combater qualquer perigo. E, quando esse pai consegue lidar com o dia a dia do trabalho e ainda dar conta de um filho com necessidades especiais, será que ele não é mesmo um herói?

 

Essa é a ideia por trás da campanha da SickKids Foundation, organização norte-americana que investe em pesquisa e cuidados com crianças doentes. A fundação lançou um vídeo superemocionante em razão do Dia dos Pais, comemorado neste domingo nos Estados Unidos.

 

 

A produção conta a história de Frank Soares, pai de Naya, menininha que ficou hospitalizada por 14 meses por conta de uma doença cardíaca que precisava de cirurgia. Depois do procedimento, Naya ficou muito fragilizada, por isso teve que permanecer mais tempo no hospital. Nesse período, seu pai não desanimou e não deixou a filha nem por um minuto: passava os dias trabalhando e as noites cuidando da menininha.

 

Após esse longo período de internação, Naya pode voltar para casa com seus pais e sua irmã gêmea, Milayna, mas esse momento das suas vidas nunca será apagado. Com o vídeo, a organização espera chamar a atenção para o sofrimento de tantos pais e mães que passam dias e dias em UTIs e hospitais, torcendo e rezando para que seus anjinhos se recuperem e possam curtir a vida ao máximo.

 

17 jun 17 11:03 Ney Matogrosso, Elisa Lucinda e Oswaldo Montenegro participam de clipe emocionante

O que seria do mundo sem todas as suas cores, sem pessoas dos tipos mais diferentes, sem paisagens de todas as belezas, sem o mar, as montanhas, as praias, a neve, toda a nossa fauna e toda a nossa flora? É essa diversidade que torna a vida tão bonita e rica, e que nos ensina todos os dias a respeitar cada ser humano dentro do seu jeito único de ser.

Screen Shot 2017-06-16 at 20.24.20

O cantor, ator e roteirista mineiro Renato Luciano captou toda essa beleza no clipe de sua nova música, “De Toda Cor”. Com uma letra linda, que exalta a diversidade, ele tem participações muito especiais de Ney Matogrosso, Elisa Lucinda, Oswaldo Montenegro, Pedro Luis, Léo Pinheiro, Laila Garin, Emílio Dantas, entre outros. Também foca em pessoas das mais diferentes, para acentuar mesmo como cada um pode e deve reconhecer a beleza que vive dentro de si.

 

Screen Shot 2017-06-16 at 20.22.28

A gravação ganha um toque ainda mais emocionante com a poesia declamada pela escritora Elisa Lucinda, “O Inexato”, recitada no meio da música. Os versos criados pela poeta também destacam a beleza das coisas únicas e diferentes que compõem todo o nosso mundo, e reforçam a mensagem de que cada ser que habita esse planeta merece ser celebrado e respeitado.

 

 

16 jun 17 11:44 Em vídeo emocionante, filha conta várias vezes para a mãe que ela será avó

Descobrir que vai se tornar mãe ou pai é emoção pura, e contar aos seus pais a notícia de que vão ser avós é um ponto alto desse momento! Afinal, essa relação de avós e netos é recheada de leveza, amor e renovação da vida. Mas no caso de Christine Stone tem uma particularidade: sua mãe Setsuko sofre do mal de Alzheimer, que gera dificuldades de memória. Assim, quando ficou grávida, teve que contar o acontecimento diversas vezes para a mãe – e Setsuko reagiu como se tivesse acabado de receber a notícia todas as vezes.Esses tocantes momentos foram registrados em um vídeo feito por Christine. Nele, é possível ver Setsuko demonstrar alegria a cada vez que fica sabendo que será avó. Em todos os momentos, ela pergunta também para quando será o bebê da filha.

O mais bonito é que Christine lida com a mãe com muito amor e paciência, mostrando que, independentemente do que aconteça, a força da relação entre mãe e filha – e avó e neto – nunca se esvai.

15 jun 17 11:36 Pai apoia filho com doença cardíaca de uma forma inusitada

Quem é pai e mãe sabe que o amor que sentimos por um filho não tem limites! Somos capazes de qualquer coisa para ver nossos pequenos saudáveis e felizes. É mesmo um sentimento lindo e muito comovente. E, no caso do americano Chase Elijah, de 3 anos, e de seu pai, Robert Selby, esse amor transborda!

Screen Shot 2017-06-14 at 16.57.09

O fofo Chase sofre de uma malformação cardíaca que se chama Tetralogia de Fallot, uma doença rara que atinge 5 em cada 10 mil bebês. Hoje, um dos efeitos dessa condição, é que o menino tem que usar sonda gástrica para reforçar sua alimentação.

Screen Shot 2017-06-14 at 16.55.53

Seu pai, Robert, criou um perfil no Instagram especial para retratar a rotina do menino e esclarecer o público sobre essa condição. Em uma foto recente, o pai aparece com uma sonda igual à do filho. No post ele fala: “Acabei de cortar e colar um de seus tubos na minha barriga para mostrar meu apoio a ele e chamar atenção para essa causa”. Ele completa: “Enquanto eu respirar, sempre apoiarei meu filho e ele nunca enfrentará uma luta sozinho”. De encher o coração de amor, não é mesmo?

Screen Shot 2017-06-14 at 16.55.13