Daqui Dali

Um pouco do mundo, um mundo de coisas. Da vida, da sua e da minha. DAQUI E DALI.

Arquivo da Categoria ‘Crianças’

Vídeo emocionante mostra que o amor entre mãe e filho não tem barreiras

segunda-feira, 26 de junho de 2017

 

O amor que existe na relação entre uma mãe e um filho é único, né? Quem viveu sabe que esse vínculo é muito poderoso, capaz de nos fazer dar conta de uma rotina supercorrida, lutar contra o mundo, virar uma verdadeira super-heroína só para ver nossos pequenos bem e protegidos!

 

mae-1

 

Pois uma campanha de lingerie da Tailândia teve a sensibilidade e a criatividade de retratar esse cotidiano em um comercial. Nele, conhecemos o dia a dia de uma mãe jovem, que precisa se dividir entre os estudos e os cuidados solitários com a filhinha pequena.

 

mae2

 

O amor entre as duas é visível e muito emocionante: aparece no banho que tomam juntas, quando deitam para dormir abraçadas, quando comem e brincam uma com a outra. Em cada gesto, você vê a delicadeza desse vínculo e a dedicação sem limites da mãe, ainda que todas as pessoas ao seu redor a olhem com julgamentos.

 

mae3

 

O vídeo tem seu ponto alto no final, quando descobrimos um segredo ainda mais emocionante da história das duas. Não vou contar para não estragar a surpresa, só posso dizer que esse vídeo toca fundo no coração e mostra que nada supera o amor verdadeiro, capaz de mover montanhas! E o mais incrível é que é baseado em uma história real.

 

 

 

Vídeo emocionante mostra como as crianças enxergam as diferenças entre elas

sábado, 24 de junho de 2017

 

Quando a gente convive com crianças pequenas sempre se vê diante de um jeito diferente e renovado de enxergar a vida! E é impressionante o quanto esses pequenos nos ensinam, principalmente quando o assunto é amor, amizade e igualdade. Um vídeo lançado pelo canal infantil da BBC, CBeebies, mostra justamente isso.

 

Screen Shot 2017-06-24 at 10.34.45

 

No vídeo superfofo, duplas de amiguinhos são entrevistados. Eles precisam responder o que os torna diferentes uns dos outros. Entre os pequenos, há crianças brancas e negras, uma criança com síndrome de Down, uma cadeirante, crianças de etnias diferentes, gêneros e características físicas distintas.

 

Screen Shot 2017-06-24 at 10.34.11

 

O mais emocionante é que os pequenos entrevistados têm dificuldades para pensar nas diferenças entre eles, e acabam respondendo sobre gostos pessoais. Uma das duplas, formada por um garotinho e uma garotinha, responde que o menino não gostava de alface, mas agora gosta, enquanto a garota ainda detesta alface. Outros pequeninos citam como diferenças os lugares onde moram na rua, suas habilidades para dança e esportes, se vivem em uma casa com ou sem esquilos e até o tamanho de seus dedos do pé.

 

Screen Shot 2017-06-24 at 10.33.52

 

Seus depoimentos nem consideram aqueles aspectos que, entre muitos adultos, são alvo de preconceito e intolerância. As crianças parecem enxergar quem o amiguinho realmente é, independentemente de sua origem, gênero, raça ou etnia. É de uma pureza muito grande. Que a gente siga aprendendo com esses pequenos para construir um mundo mais justo e igualitário!

 

Assista a seguir:

 

 

 

Puro amor: homem pede namorada em casamento e faz homenagem à filha dela

quarta-feira, 21 de junho de 2017

 

Um pedido de casamento romântico é sempre lindo, não é mesmo? Mas, quando esse pedido inclui uma homenagem à filhinha da noiva, aí é mesmo de emocionar e renovar a fé no amor mais puro e verdadeiro. E foi justamente o que aconteceu com Grant Tribbett e sua namorada Cassandra Reschar, mãe de Adrianna, de 5 anos.

 

pedido

 

Para surpreender as duas, o rapaz levou-as para um café da manhã especial, seguido por um passeio em um parque natural em Indiana, nos Estados Unidos. Os três caminharam até chegar a uma ponte. Ali, o moço ficou de joelhos e perguntou à Cassandra se ela aceitava se casar com ele, presenteando-a com um anel.

 

pedido1

Depois do pedido, Grant ainda fez uma pergunta especial para a pequena Adrianna: “Posso ser seu papai, prometer amá-la e protegê-la pelo resto da sua vida?”. Para oficializar o momento, o noivo deu à menina uma joia também: uma correntinha com um coração.

 

pedido2

 

Diante da homenagem, a garotinha ficou radiante e gritou de alegria: “Eu finalmente terei um papai, mamãe!”. Já sua mãe ficou profundamente emocionada e feliz. Em entrevistas, ela falou que espera inspirar outras mães e pais solteiros que estão em busca de um novo amor.

 

pedido3

 

Muito emocionante, não é? Que mais e mais pessoas possam experimentar esse amor tão sincero e tolerante. Com ele, tenho certeza de que podemos mesmo mover montanhas.

 

Superação: mãe faz loucuras para buscar uma cura para doença rara do filho

segunda-feira, 19 de junho de 2017

 

Quantas coisas somos capazes de fazer por um filho? Aqui mesmo no blog já contei várias histórias de mães que fizeram as maiores loucuras e superaram seus limites para ver seus pequenos felizes e saudáveis, mas o caso da espanhola Eva Giménez e de seu filho Nacho, de 7 anos, é muito emocionante.

 

Nacho tem a Doença de Dent, que faz com que ele perca grandes quantidades de cálcio, potássio e fósforo. Por conta disso, ele precisa ser acompanhado por oito médicos diferentes e tomar sete remédios a cada oito horas. Também não pode correr nem jogar bola, o que não é fácil para o garotinho. Mas sua mãe faz o possível e o impossível para apoiá-lo.

 

Quando descobriu que Nacho tinha a doença, ela decidiu mudar sua vida: fundou uma associação para financiar pesquisas que ajudassem a entender melhor essa síndrome rara. Assim, surgiu a Asdent, associação que hoje tem 700 membros e se tornou referência no assunto.

 

eva-e-nacho

 

No meio desse caminho, Eva se mostrou uma verdadeira super-heroína, incansável na sua luta para ver seu pequenino bem. Dá para dizer que ela até cometeu algumas loucuras! Em 2014, por exemplo, participou de uma corrida de bicicleta no deserto do Saara e completou 600 quilômetros em seis dias, pedalando mais de 10 horas por dia! O esforço foi intenso, mas valeu a pena: ela arrecadou 40 mil euros e, com esse dinheiro, pôde investir em investigações fundamentais.

 

Eva ficou famosa por seu trabalho e até inspirou um documentário. Em entrevistas, ela fala que, por seus filhos, vai a qualquer lugar e é capaz de dedicar a vida para vê-los bem. É o amor de mãe, capaz de mover montanhas, não é mesmo?

 

Campanha chama atenção para o drama dos pais que têm filhos em hospitais

domingo, 18 de junho de 2017

 

Quando você era criança, alguma vez teve a impressão de que seu pai era um super-herói? É bem comum que os pequenos relacionem o pai com a imagem de alguém forte, capaz de dar proteção e combater qualquer perigo. E, quando esse pai consegue lidar com o dia a dia do trabalho e ainda dar conta de um filho com necessidades especiais, será que ele não é mesmo um herói?

 

Essa é a ideia por trás da campanha da SickKids Foundation, organização norte-americana que investe em pesquisa e cuidados com crianças doentes. A fundação lançou um vídeo superemocionante em razão do Dia dos Pais, comemorado neste domingo nos Estados Unidos.

 

 

A produção conta a história de Frank Soares, pai de Naya, menininha que ficou hospitalizada por 14 meses por conta de uma doença cardíaca que precisava de cirurgia. Depois do procedimento, Naya ficou muito fragilizada, por isso teve que permanecer mais tempo no hospital. Nesse período, seu pai não desanimou e não deixou a filha nem por um minuto: passava os dias trabalhando e as noites cuidando da menininha.

 

Após esse longo período de internação, Naya pode voltar para casa com seus pais e sua irmã gêmea, Milayna, mas esse momento das suas vidas nunca será apagado. Com o vídeo, a organização espera chamar a atenção para o sofrimento de tantos pais e mães que passam dias e dias em UTIs e hospitais, torcendo e rezando para que seus anjinhos se recuperem e possam curtir a vida ao máximo.