Daqui Dali

Um pouco do mundo, um mundo de coisas. Da vida, da sua e da minha. DAQUI E DALI.

20 ago 17 07:54
Eliana

Sejam bem-vindos!

Tudo o que interessa ou ainda vai interessar.
Novidades, notícias, gostos, grandes assuntos, pequenos detalhes.
Um pouco do mundo, um mundo de coisas. Da vida, da sua e da minha. DAQUI E DALI.

bjobjo,

Eliana

19 ago 17 11:09 Emocione-se! Quadrinhos mostram que a vida passa rápido demais e é preciso aproveitá-la

 

Às vezes a vida é tão corrida que a gente esquece o quanto o tempo que temos com aqueles que amamos é precioso e cada momento que vivemos com eles, mesmo os mais triviais, são únicos.

 

Foi por isso que escolhi trazer hoje ao blog a tirinha “The End” (O Fim, em tradução livre), do premiado comic artist Dan Dougherty. A história é focada em um pai e sua filhinha em fase de crescimento: ele a ensina a andar, a leva ao primeiro dia de aula, acompanha sua entrada na faculdade, a formatura, o casamento… Tudo isso passa em um piscar de olhos, olha só:

 

 

Ao fim, o leitor percebe que tudo não passou da imaginação de Beardo. E sua mulher, sem saber disso, pergunta: por que você não a coloca no carrinho? “Só quero carregá-la mais um pouco”, explica ele. “É uma longa caminhada”, ela rebate. “Ela chegará ao fim antes que a gente perceba”, diz o personagem, pensando mais na caminhada da vida do que naquele passeio.

 

De emocionar e fazer valorizar cada minuto com nossos filhos, pais e amigos, não é? A tira faz parte de “As Crônicas de Beardo”, projeto que o artista mantém desde 2006 e que acompanha a trajetória de um cartunista sempre em busca de uma boa história (você pode ver mais do seu trabalho aqui).

 

18 ago 17 10:30 Apaixonada por livros cria lindas imagens inspiradas por eles

 

 

Já está se preparando para entrar no clima menos apressado do fim de semana? Escolher um bom livro pode ser uma ótima maneira de relaxar, se divertir, conhecer novas culturas e exercitar a imaginação nesses dias de descanso, não é?

 

http://instagram.com/p/BXVydC7DZxv/

 

E se você está precisando de mais um empurrãozinho para se deixar fisgar pelo universo da leitura, vai adorar conhecer o @emiibook, perfil do Instagram criado por uma estudante francesa que se apresenta apenas como Emilie. Ela é completamente apaixonada por livros e transmite esse sentimento pelas imagens que produz. “Um dia sem ler é um dia triste para mim”, disse ao blog do Instagram. “O que eu amo nos livros é que eles nos transportam para outro lugar”, falou ela.

 

 

Para contagiar outras pessoas com esse apreço, assim que termina uma história, Emilie produz uma foto inspirada por ela. “Tenho um mundo inteiro na minha cabeça e eu tento expressá-lo através das minhas fotos”, explicou a estudante que, para montar as imagens – ao mesmo tempo caóticas e encantadoras – se utiliza de bonecos, cartões postais, selos, páginas, tintas e muito mais.

 

http://instagram.com/p/BXVydC7DZxv/

 

Entre as obras homenageadas estão desde clássicos infantis, como “A Pequena Sereia”, até obras mais atuais, como a coleção “Game of Thrones”. Mais importante do que suas escolhas literárias, no entanto, é a mensagem que ela passa sobre os livros. “Você pode viver uma experiência extraordinária mesmo se estiver deitado no seu sofá. Eu nunca sou a mesma depois de ler “.

 

17 ago 17 10:26 Garotinho de 8 anos cria projeto para levar comida e amor às pessoas em situação de rua

 

Quando o mundo parece estar duro demais, de repente a ação de uma criança indica que sim, ainda é possível conseguir uma sociedade mais solidária e preocupada com o real bem-estar do outro. Bateu a curiosidade?

 

 

Adrian Young, um australiano de apenas 8 anos, ficou de coração partido ao encontrar um homem em situação de rua na sua cidade, Toowoomba. O garotinho deu algum dinheiro a ele, mas sentiu que deveria fazer mais. Conversando com sua mãe, ele descobriu que muitas outras pessoas também não tem casas e ficou extremamente entristecido.

 

Depois de conhecer essa realidade, Adrian não conseguiu parar de pensar no senhor que vivia nas ruas e, usando seu próprio dinheiro, montou para ele uma mochila com roupas quentes, itens de higiene pessoal e comida.

 

 

Esse reencontro fez com que o garotinho quisesse fazer ainda mais e, com a ajuda de sua mãe, montou 50 kits para entregar para outras pessoas em situação de rua. Sua atitude logo se espalhou e, por isso, a família decidiu criar uma página de financiamento coletivo para que Adrian continue distribuindo suas tão especiais sacolas em que, além de itens de necessidade, há um bilhete muito carinhoso. “Eu me importo com você. Com amor”.

 

 

Lindo, não é? Mais forte ainda é a frase que fecha a página de vaquinha virtual. “Sou Adrian Young e estou em uma missão para fazer a diferença”. Inspirador demais!

 

16 ago 17 10:05 #FoodFilms: como seriam os vídeos de receitas se eles fossem dirigidos por grandes cineastas?

 

No início da semana, postei aqui sobre um projeto interessantíssimo que usa figurinos icônicos para criar novos cartazes de filmes, lembra (para rever, clique aqui)? Hoje, o blog volta ao universo cinematográfico, mas de uma maneira mais saborosa.

 

É que o publicitário David Ma teve a incrível ideia de cruzar a gastronomia com o estilo de alguns famosos cineastas. Pois é! Sabe aqueles vídeos de receitas que te deixam com água na boca nas redes sociais? Esse artista produziu versões simplificadas deles a partir das características mais marcantes do trabalho de cada um dos diretores escolhidos.

 

Quentin Tarantino, por exemplo, foi homenageado com um prato de espaguete e almôndegas. À moda de “Kill Bill”, os tomates são cortados quase com violência e respingam molho por todo lado, a carne é amassada sem dó e até a massa parece estar em meio a uma briga. Nada mais apropriado para retratar alguém conhecido pelas cenas tão sangrentas quanto bem-humoradas:

 

 

Wes Anderson, por sua vez, é lembrado pelas cores únicas e seu talento para a simetria. O filme “O Grande Hotel Budapeste” é a inspiração para a receita de s’mores, um docinho feito com biscoito, chocolate e marshmallow – tudo a ver com o excêntrico e encantador universo habitado pelos personagens do longa:

 

 

O mundo de Michael Bae, conhecidíssimo pela franquia “Transformers”, surge retratado por waffles. Apesar de trivial, essa comidinha surge grandiosa, é preparada com efeitos de câmera e, como não poderia deixar de ser, explosões:

 

 

Por fim, o mexicano Alfonso Cuarón é lembrado a partir de “Gravidade”. Assim como no filme de 2013 estrelado por Sandra Bullock, o vídeo mostra a preparação de panquecas com ângulos que causam estranheza, câmera lenta e cenas que parecem se demorar um pouco na tela:

 

 

E aí, bateu a fome ou a vontade de conhecer mais sobre o trabalho desses cineastas? Curti muito o resultado, e você?

 

15 ago 17 10:21 Inspirador! Corredor ajuda rival na linha de chegada e dá linda lição de solidariedade

 

 

Comecei o dia com um lindo exemplo de honestidade e de solidariedade, algo perfeito para elevar a esperança em um mundo que às vezes parece tão individualista. Rob Gomez surpreendeu a todos e chamou a atenção da mídia depois de participar de uma corrida nos Estados Unidos.

 

O corredor, de 34 anos, poderia ter ganhado o prêmio máximo da prova, de US $ 1.000, mas preferiu fazer algo diferente e inspirador: ao ver que Jesse Orach, o então líder da prova, havia caído em sua frente, no lugar de simplesmente passar o rival, ele o levantou, o abraçou nos últimos 50 metros do percurso e lhe deu um empurrãozinho para que Orach cruzasse primeiro a linha de chegada. Assista abaixo:

 

 

“Esta é talvez uma das histórias mais inspiradoras, se não a história mais inspiradora, que Beach to Beacon já contou, e aconteceu na linha de chegada”, disse Joan Benoit Samuelson, fundadora da corrida TD Bank Beach to Beacon 10K sobre o caso.

 

Apesar de ter surpreendido e comovido tantas pessoas com sua atitude, Gomez não vê nada demais no que ele fez. “Eles me colocaram no pedestal que eu realmente não mereço“, disse. “O que as pessoas viram foi apenas um exemplo da comunidade em execução. Não é realmente especial. É exatamente o que fazemos”, falou ele para o Press Herald.

 

Um lindo exemplo de solidariedade e humildade, não é? Inspirador demais!